Arquivo postado em ‘GIBRALTAR’

O ESTREITO DE GIBRALTAR

Monday, November 14th, 2011

Com apenas 7 km de metros quadrados, o Estreito de Gibraltar está escondido entre dois continentes, África e Europa. O idioma oficial utilizado em Gibraltar é o inglês, mas a população é praticamente toda bilíngue, falando também o espanhol. Pelo fato do território pertencer ao Reino Unido, à moeda comercializada é a libra, praticamente a mesma usada na Inglaterra. Há muitos lugares que ainda aceitam como pagamento o euro ou dólar, porém a cotação utilizada pelos comerciantes não é tão vantajosa. Uma das opções para chegar a Gibraltar é viajando em um transatlântico. Outra opção é entrando de carro pela cidade de La Línea de la Concepción na província espanhola de Cádiz. Entre as atrações mais visitadas, estão às cavernas de Saint Michael, os túneis cavados nas rochas durante a segunda guerra mundial e o Museu Histórico. É claro, que nenhum dos três atrativos citados é tão conhecido como o teleférico que leva você ao topo do rochedo montanhoso, onde vivem os famosos…

macacos sem rabo de Gibraltar. O local também serve como mirante, pois é possível avistar lá de cima o continente europeu e a costa africana. Ao visitar os macacos, a dica mais recomendável é não caminhar com comida nas mãos ou nos bolsos. Os macacos são muito rápidos e ágeis, quando você menos espera, qualquer um deles pode saltar em suas costas para tentar roubar seu pacote de salgadinho, bolacha ou chocolate. Isso aconteceu comigo e com alguns turistas que estavam ao meu redor. Tomem cuidado pessoal, pois uma simples brincadeira pode lhe causar sérios arranhões. Gibraltar conta com opções de hospedagem que varia de um barato albergue até o conforto de um hotel 4 estrelas em grande estilo como o The Rock Hotel. Caminhando pela principal rua da cidade, notei que os restaurantes locais ofereciam desde comidas típicas, como o famoso Fish and Chips (peixe com batatas) até comida mediterrânea. Para quem gosta de uma boa cerveja, alguns Pub Britânicos são ótimas opções. Se você é um tripulante de navio, então economize seu tempo e tire fotos dos lugares mais turísticos. Muitas vezes a única opção para se alimentar vão ser os fast-foods.

.