Arquivo postado em ‘Rio de Janeiro’

MEDICAL ANALYSIS FOR CRUISE SHIPS IN RIO DE JANEIRO: PASTORE MEDICAL CENTER

Monday, October 7th, 2013

The same way I spoke about the Sample Med Medical Center in São Paulo, now is the time to give a great hints for the crew that lives in Rio de Janeiro and need to take medical examinations to embark on cruise ships. Located in the center of the Marvelous City at the end of Ouvidor Street and near the “Street Market Uruguaiana”, the Pastore Medical Center was where I have chosen to take the exams of my next embark. The agency recruiter gave me a list of several tests. As I don’t have health insurance I checked the price of the exams in four private medical centers. The price of Pastore was the cheapest one and the service provided by the staffs, secretaries, nurses and doctors were so good! Just to compare, the total price of the analysis from others medical centers would be USD330,00 and in Pastore Medical was for USD230,00. I saved USD100,00! In the end of the post I put the list of the prices.

Foto: Marcos Garcia

Photo: Giramundostravel.com – (In front of Medical Center Pastore)

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia
Foto: Marcos Garcia

Photo: Giramundostravel.com – (The Doctor Mariana Waik)

(more…)

LE PRÉ CATELAN: DEGUSTAÇÃO DE VINHOS COM PAULO NICOLAY DA VINÍCOLA PERICÓ!

Friday, October 4th, 2013

Aconteceu semana passada no restaurante Le Pré Catelan no Rio de Janeiro uma degustação de vinhos da Vinícola Pericó. Quem comandou a palestra foi o renomado Paulo Nicolay com auxílios de Antônio Alfredo do Penedo Borges. Os principais vinhos que degustei eram tintos e brancos, mas sem dúvida a principal atração do evento ficou para o Ice Wine. A degustação iniciou com um Espumante Brut, ótimo para harmonização de aperitivos, risotos e crustáceos. Em segundo provamos um fino Vinho Rosé Taipa, com uma variedade de 60% Cabernet Souvignon e 40% Merlot. Esse vinho ganhou o prêmio Gula eleito como o melhor Rosé do ano. Entre uma degustação e outra apreciei pães feito no próprio Le Pré Catelan com manteiga francesa e um azeite chinelo Oromaule com acidez de 0,2%. Os pães estavam divinos, comi tanto que nem jantei, (risos). Em terceiro provamos um Mousai 100% Chardonnay quatro estrelas de origem chilena. Esse vinho ganha em complexidade e corpo, mostrando presença maior que a maioria dos brancos. Em seguida provamos o tinto Basaltino de uva Pinot Noir que pode…

Foto: Marcos Garcia

ser degustado com peixes e massas. Paulo Nicolay sugeriu que servíssemos em quinto lugar o Vinho Tinto Basalto que vem de uma rocha de origem vulcânica presente numa região de altitude de Santa Catarina onde estão os vinhedos da Pericó. A sexta garrafa foi o Cantoalba Carménère da região do Valle de Colchagua no Chile. O envelhecimento desse vinho tem 30% em barris de carvalho francês por seis meses e 70% em tanques de aço inox. Para fechar a degustação ao estilo Pericó, deixamos a última garrafa para o Ice Wine. A produção do primeiro Vinho do Gelo brasileiro foi uma verdadeira ousadia para os enólogos. O processo de elaboração de um Ice Wine consiste em colher as uvas maduras numa temperatura inferior a – 6ºC, sendo que nessa condição a água que fica no interior das bagas congela e o gelo precisa ser separado do suco pelo processador. Depois o mosto da uva em açucares é fermentado a 10ºC durante 60 dias. Após esse período o vinho é estabilizado e colocado em barricas de carvalho francês. Vejam no final do post o vídeo completo da explicação de Paulo Nicolay sobre o Ice Wine.

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Giramundos.com – (Antônio Cardoso, Marcos Garcia e Paulo Nicolay)

(more…)

ESTAGIANDO COMO MAÎTRE NO MELHOR RESTAURANTE FRANCÊS DO BRASIL – LE PRÉ CATELAN

Thursday, October 3rd, 2013

No último final de semana passei por uma experiência muito valiosa da gastronomia internacional. Durante dois dias estagiei como Maître no que é considerado o melhor restaurante francês do Brasil, o Le Pré Catelan. Localizado dentro do Hotel Sofitel em frente à praia de Copacabana no Rio de Janeiro o Le Pré Catelan conta com uma ótima infraestrutura. O salão principal da casa comporta aproximadamente 90 pessoas. Mesas com vista para o mar e cadeiras confortáveis completam a decoração moderna da casa. Uma adega com centenas de rótulos importados do velho continente enriquecem a carta de vinhos. A equipe de funcionários é formada por gerentes, maîtres, garçons e hostess, que a todo instante fazem de tudo para agradar os clientes. A cozinha é comandada pelo Chef Rolland Villard, que já está há mais de 12 anos criando pratos únicos para o restaurante. Foi uma experiência riquíssima para o meu currículo trabalhar num restaurante com mais de quatro estrelas. A rotina do Maître do Le Pré Catelan é…

Foto: Marcos Garcia

dar as boas vindas ao cliente e deixá-lo à vontade escolhendo o jantar. Depois que alguns procedimentos são cumpridos, chega o momento de apresentar educadamente o cardápio. Com sabedoria o Maître sugere vinhos e pratos para o cliente. Tirar o pedido está incluído em uma das responsabilidades, além de estar atento em tudo que acontece no salão. Buscar soluções para as pequenas falhas que acontece inesperadamente é uma carta que o Maître deve ter na manga, e durante meu estágio aconteceram algumas. Ser habilidoso apenas com as mãos não é o suficiente, mas saber falar outros idiomas e ser prestativo com os clientes é essencial para um excelente atendimento. Resumido a história, achei muito válido ter passado dois dias aprendendo os macetes e cacoetes de um restaurante tão requintado. Uma experiência que vai me servir no futuro com certeza. Mas uma coisa deixou a desejar no meu ponto de vista, a mão de obra. No final do post publiquei uma avaliação geral do que eu achei do Le Pré Catelan.

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

(more…)

WALKIN TOUR – CENTRO HISTÓRICO DO RIO DE JANEIRO

Monday, September 16th, 2013

Nada melhor que aprender a história de uma cidade para entender como tudo aconteceu. Na última sexta-feira fui conhecer o Centro Histórico do Rio de Janeiro. Acompanhado do Guia de Turismo Henrique Santos, o tour iniciou no Bairro da Tijuca onde se encontra a Paróquia São Sebastião dos Frades Capuchinhos. A paróquia guarda a pedra que marcou a fundação da cidade. A segunda parada foi na agitada Rua Uruguaiana. Depois de umas comprinhas passamos em frente ao Centro Cultural Correios e logo entramos no Centro Cultural Banco do Brasil para ver a exposição Da Vincis do Povo do artista chinês Cai Guo-Qiang que mostra geringonças voadoras. A Igreja de Nossa Senhora da Candelária de 1609-1811 não podia ficar de fora do roteiro. Perto da igreja está localizada a Casa França Brasil, atualmente exibindo uma exposição de arte contemporânea da artista Cristina Iglesias. O último atrativo antes do almoço foi a Igreja da Lapa dos Mercadores…

Foto: Marcos Garcia

escondida entre vielas pouco visitadas, mas que guarda uma história bem interessante de uma santa atingida por uma bala de canhão e após a queda, inacreditavelmente quebrou apenas dois dedos e um pedaço da cruz. Para reabastecer as energias Henrique indicou um restaurante francês. Meu pedido foi um Panini: Baguete com peito de peru, queijo branco, alface, azeite e uma cerveja gelada. Saindo do restaurante caminhamos pela Rua do Ouvidor, antigo beco que servia como ponto de encontro para as pessoas ouvirem notícias sobre o mundo. Antes de chegar a Praça XV cruzamos o Arco do Telles que resistiu ao grande incêndio do conjunto arquitetônico da família Telles de Menezes em 1790. Ainda na Praça XV visitei o primeiro chafariz da cidade e a estátua de General Osório. Enfim, entrei no famoso Palácio Imperial que viveram D. Pedro I e D. Pedro II. Uma das histórias marcantes desse local aconteceu em 13 de maio de 1888, quando…

Foto: Marcos Garcia

(more…)

BRASIL 3 X 0 ESPANHA: O CAMPEÃO VOLTOU!

Monday, July 1st, 2013

Era o jogo de futebol que o mundo esperava. A maior seleção da atualidade contra a seleção mais vencedora da história. Foi o primeiro jogo da seleção brasileira que assisti pessoalmente. Mas que isso, foi à primeira vez do GIRAMUNDOS.com no maior templo do futebol mundial. Um jogo entre Brasil e Espanha numa final de Copa das Confederações não podia ser em qualquer estádio, por isso, o emblemático Maracanã foi escolhido. Um estádio que já foi o maior do mundo, palco de grandes finais e que já recebeu quase 200 mil pessoas na final do Mundial de 1950. Ontem, quando entrei no estádio, confesso que a primeira coisa que veio na cabeça era ir ao banheiro e tomar uma cerveja gelada. Mas os planos tiveram que mudar. Ao me aproximar das dependências do estádio, escutei uma massa de gente ovacionando os jogadores que acabara de entrar em campo para o aquecimento. Sai correndo em direção a um dos túneis que dá acesso as arquibancadas. Vi de perto uma das cenas mais lindas do dia. Foi uma honra ter sido um dos 73 mil brasileiros que foram ao Maracanã transmitir das arquibancadas a…

Foto: Marcos Garcia

energia que o Brasil precisava para atropelar a Espanha. Não houve uma pessoa que não se arrepiou ao ver o protocolo da FIFA ser quebrado pela torcida, que fez questão de cantar sem autofalantes o hino nacional até o final. O arrepio continuou ainda mais forte quando o estádio inteiro cantou: – Ôooo, o campeão voltou! O campeão voltou! Bem do alto de onde pude acompanhar o jogo, a visão era de um inferno verde e amarelo. A “Roja” foi engolida por esse inferno e levou um chocolate com gosto amargo. Os espanhóis viram pela primeira vez o toureiro virar touro. O famoso estilo de jogo tic-tac dessa vez não funcionou. Com essa derrota agora, o “ex” melhor time do mundo aprendeu que não é da noite para o dia que cinco estrelas vão parar em um peito. E a sexta irmãzinha está cada vez mais perto de chegar. Foi um domingo que ficará para sempre na memória dos brasileiros, principalmente na minha, que tive o privilégio de assistir do Maracanã esse espetáculo. Que venha a Copa do Mundo, pois a Copa das Confederações ficou no Brasil, e, diga-se de passagem, ela ficou bem à vontade!

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Giramundos.com – (Só alegria com o ingresso na mão)

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Giramundos.com – (Seleção brasileira pronta para entrar em campo)

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Giramundos.com – (Luzes verdes e amarelas coloriram o Maracanã)

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Foto: Marcos Garcia

Fotos: Giramundos.com

Vídeo: Giramundos.com – (Cantar o hino nacional no Maracanã foi de arrepiar)

DEPOIS DO SALTO É SÓ ALEGRIA!

Friday, October 5th, 2012

Depois de saltar da rampa da Pedra Bonita pousamos na Praia do Pepino em São Conrado. Pelo que percebi algumas pessoas ficam tensas na hora da corrida para saltar e outras na hora do pouso. Graças Deus, eu e o meu instrutor “Nito” fizemos um pouso perfeito na praia. Descobri que o lugar que mais se pratica saltos de asa delta no mundo é a rampa da Pedra Bonita. Nito me contou que todos os meses aproximadamente 3500 pessoas de todos os cantos do planeta pousam em São Conrado. Está comprovado estatisticamente…

que mais de 92% dos dias do ano no Rio de Janeiro oferecem condições seguras para saltar. O vento influencia bastante, por isso, um salto rápido dura de 6 a 14 minutos. Se tiver sorte de acordar num dia perfeito, seu salto pode durar até 01H45 sem nenhuma turbulência. Resumindo, depois que pousei na praia, a vontade era de saltar de novo e permanecer horas voando, sentindo a sensação de ser um pássaro acoplado a uma asa delta. Vou levar desse passeio lembranças únicas e momentos mágicos que vivi por 8 minutos.

Foto: Giramundos.com – (Muito obrigado Nito, salto e pouso perfeitos)

Foto: Giramundos.com – (Essa foi a asa delta que realizei meu “Voo de bastismo”)

 Fotos: Giramundos.com – (Uma câmera GoPro e outra Canon Powershot são as responsáveis pelas fotos e vídeos)

Fotos: Giramundos.com

Vídeo: Giramundos.com

INFORMAÇÕES SOBRE A “FLEX1DELTA”:

Valores Baixa Temporada:
R$ 250,00 / U$ 125,00 – Salto dublo de asa delta,
R$ 20,00 / U$ 10,00 – CD com Fotos,
R$ 50,00 / U$ 25,00 – DVD com Vídeo,

Valores Alta Temporada:
R$ 300,00 / U$ 150,00 – Salto dublo com Fotos,
R$ 350,00 / U$ 175,00 – Salto dublo, Fotos e Vídeo,

Agendamentos:
+55 (21) 9762 6666
+55 (21) 7702 6817
Instrutor: Luciano “Popo”
 +55 (21) 7822 2791
Instrutor: Elenilson “Nito”
 +55 (21) 7852 9715
+55 (21) 8535 9522
ID: 120*33852

Dicas: www.flex1delta.com.br/flex1/dicas
Site: www.Flex1Delta.com.br
Blog: flex1delta.blogspot.com.br

 

SALTAR DE ASA DELTA É ALUCINANTE… A SENSAÇÃO DE SALTAR DE ASA DELTA É INDESCRITÍVEL! A SENSAÇÃO DE SALTAR DE ASA DELTA É INDESCRITÍVEL!

Thursday, October 4th, 2012

Já se passaram 48 horas que saltei de asa delta, mas até agora a ficha não caiu, ainda estou em êxtase. Hoje mesmo um leitor do blog me perguntou: De todas as suas viagens, qual foi o momento que mais te deu medo? Disse a ele que foi quando entrei na jaula de dois leões no Zoo Lujan na Argentina. Mas sem dúvida, a sensação mais maravilhosa que senti em 29 anos de vida, foi saltar de asa delta da rampa da Pedra Bonita em São Conrado no Rio de Janeiro. Imaginem saltar de uma altura de 520 metros e olhar a “cidade maravilhosa” de outro ângulo. É um privilégio que poucos têm, uma oportunidade única de voar livre como um pássaro sentindo o vento no rosto. “Defino que saltar de asa delta é sentir total liberdade de si próprio, voar e olhar a cidade e as pessoas como miniaturas”. Quem tiver a oportunidade, salte, pois vale muito a pena. Ressalto que os voos não envolvem apenas técnicas e experiências, mas sim, estar no dia certo e…

na hora certa. Por que digo isso, pois voltarei ao Rio de Janeiro para tentar realizar com a Flex1Delta o melhor salto de todos, sobrevoar o Cristo Redentor. Como isso é possível? Torcer para que o dia, o clima e o vento estejam em perfeitas condições para saltar da rampa da Pedra Bonita e voar até o Corcovado num trajeto de 01h30 ida e volta. Somente quem vive o voo livre intensamente pode receber uma dádiva da natureza como essa. Em relação às fotos e vídeos, não se preocupe, duas câmeras de alta qualidade ficam fixa na asa delta trabalhando enquanto você curte o visual. Voar de asa delta é uma experiência única e inesquecível, guardarei para sempre essa lembrança. Quero agradecer aos instrutores Nito e Popo pela oportunidade de realizar o “Voo de Batismo” com a Flex1Delta. Que Deus abençoe e proteja vocês em todos os saltos… Não deixem de ver os dois vídeos do meu salto. No final da matéria coloquei valores e outras informações.

Foto: Giramundos.com – (Momentos antes do salto)

Fotos: Giramundos.com – (Valeu Nito! Fizemos um “Voo de Bastismo” perfeito)

Fotos: Giramundos.com

Vídeo: Giramundos.com – (Depois que você assistir esse vídeo, vai querer saltar de asa delta. É MARAVILHOSO!)

Vídeo: Giramundos.com

INFORMAÇÕES SOBRE A “FLEX1DELTA”:

Valores Baixa Temporada:
R$ 250,00 / U$ 125,00 – Salto dublo de asa delta,
R$ 20,00 / U$ 10,00 – CD com Fotos,
R$ 50,00 / U$ 25,00 – DVD com Vídeo,

Valores Alta Temporada:
R$ 300,00 / U$ 150,00 – Salto dublo com Fotos,
R$ 350,00 / U$ 175,00 – Salto dublo, Fotos e Vídeo,

Agendamentos:
+55 (21) 9762 6666
+55 (21) 7702 6817
Instrutor: Luciano “Popo”
+55 (21) 7822 2791
Instrutor: Elenilson “Nito”
+55 (21) 7852 9715
+55 (21) 8535 9522
ID: 120*33852

Dicas: www.flex1delta.com.br/flex1/dicas.html
Site: www.Flex1Delta.com.br
Blog: flex1delta.blogspot.com.br

Já se passaram 48 horas que saltei de asa delta, mas até agora a ficha não caiu, ainda estou em êxtase. Hoje mesmo um leitor do blog me perguntou: De todas as suas viagens, qual foi o momento que mais te deu medo? Disse a ele que foi quando entrei na jaula de dois leões no Zoo Lujan na Argentina. Mas sem dúvida, a sensação mais maravilhosa que senti em 29 anos de vida, foi saltar de asa delta da rampa da Pedra Bonita em São Conrado no Rio de Janeiro. Imaginem saltar de uma altura de 520 metros e olhar a “cidade maravilhosa” de outro ângulo. É um privilégio que poucos têm, uma oportunidade única de voar livre como um pássaro sentindo o vento no rosto. “Defino que saltar de asa delta é sentir total liberdade de si próprio, voar e olhar a cidade e as pessoas como miniaturas”. Quem tiver a oportunidade, salte, pois vale muito a pena. Ressalto que os voos não envolvem apenas técnicas e experiências, mas sim, estar no dia certo e…

na hora certa. Por que digo isso, pois voltarei ao Rio de Janeiro para tentar realizar com a Flex1Delta o melhor salto de todos, sobrevoar o Cristo Redentor. Como isso é possível? Torcer para que o dia, o clima e o vento estejam em perfeitas condições para saltar da rampa da Pedra Bonita e voar até o Corcovado num trajeto de 01h30 ida e volta. Somente quem vive o voo livre intensamente pode receber uma dádiva da natureza como essa. Em relação às fotos e vídeos, não se preocupe, duas câmeras de alta qualidade ficam fixa na asa delta trabalhando enquanto você curte o visual. Voar de asa delta é uma experiência única e inesquecível, guardarei para sempre essa lembrança. Quero agradecer aos instrutores Nito e Popo pela oportunidade de realizar o “Voo de Batismo” com a Flex1Delta. Que Deus abençoe e proteja vocês em todos os saltos… Não deixem de ver os dois vídeos do meu salto. No final da matéria coloquei valores e outras informações.

Foto: Giramundos.com – (Momentos antes do salto)

Fotos: Giramundos.com – (Valeu Nito! Fizemos um “Voo de Bastismo” perfeito)

Fotos: Giramundos.com

Vídeo: Giramundos.com – (Depois que você assistir esse vídeo, vai querer saltar de asa delta. É MARAVILHOSO!)

Vídeo: Giramundos.com

INFORMAÇÕES SOBRE A “FLEX1DELTA”:

Valores Baixa Temporada:
R$ 250,00 / U$ 125,00 – Salto dublo de asa delta,
R$ 20,00 / U$ 10,00 – CD com Fotos,
R$ 50,00 / U$ 25,00 – DVD com Vídeo,

Valores Alta Temporada:
R$ 300,00 / U$ 150,00 – Salto dublo com Fotos,
R$ 350,00 / U$ 175,00 – Salto dublo, Fotos e Vídeo,

Agendamentos:
+55 (21) 9762 6666
+55 (21) 7702 6817
Instrutor: Luciano “Popo”
+55 (21) 7822 2791
Instrutor: Elenilson “Nito”
+55 (21) 7852 9715
+55 (21) 8535 9522
ID: 120*33852

Dicas: www.flex1delta.com.br/flex1/dicas.html
Site: www.Flex1Delta.com.br
Blog: flex1delta.blogspot.com.br

 

Já se passaram 48 horas que saltei de asa delta, mas até agora a ficha não caiu, ainda estou em êxtase. Hoje mesmo um leitor do blog me perguntou: De todas as suas viagens, qual foi o momento que mais te deu medo? Disse a ele que foi quando entrei na jaula de dois leões no Zoo Lujan na Argentina. Mas sem dúvida, a sensação mais maravilhosa que senti em 29 anos de vida, foi saltar de asa delta da rampa da Pedra Bonita em São Conrado no Rio de Janeiro. Imaginem saltar de uma altura de 520 metros e olhar a “cidade maravilhosa” de outro ângulo. É um privilégio que poucos têm, uma oportunidade única de voar livre como um pássaro sentindo o vento no rosto. “Defino que saltar de asa delta é sentir total liberdade de si próprio, voar e olhar a cidade e as pessoas como miniaturas”. Quem tiver a oportunidade, salte, pois vale muito a pena. Ressalto que os voos não envolvem apenas técnicas e experiências, mas sim, estar no dia certo e…

na hora certa. Por que digo isso, pois voltarei ao Rio de Janeiro para tentar realizar com a Flex1Delta o melhor salto de todos, sobrevoar o Cristo Redentor. Como isso é possível? Torcer para que o dia, o clima e o vento estejam em perfeitas condições para saltar da rampa da Pedra Bonita e voar até o Corcovado num trajeto de 01h30 ida e volta. Somente quem vive o voo livre intensamente pode receber uma dádiva da natureza como essa. Em relação às fotos e vídeos, não se preocupe, duas câmeras de alta qualidade ficam fixa na asa delta trabalhando enquanto você curte o visual. Voar de asa delta é uma experiência única e inesquecível, guardarei para sempre essa lembrança. Quero agradecer aos instrutores Nito e Popo pela oportunidade de realizar o “Voo de Batismo” com a Flex1Delta. Que Deus abençoe e proteja vocês em todos os saltos… Não deixem de ver os dois vídeos do meu salto. No final da matéria coloquei valores e outras informações.

Foto: Giramundos.com – (Momentos antes do salto)

Fotos: Giramundos.com – (Valeu Nito! Fizemos um “Voo de Bastismo” perfeito)

Fotos: Giramundos.com

Vídeo: Giramundos.com – (Depois que você assistir esse vídeo, vai querer saltar de asa delta. É MARAVILHOSO!)

Vídeo: Giramundos.com

INFORMAÇÕES SOBRE A “FLEX1DELTA”:

Valores Baixa Temporada:
R$ 250,00 / U$ 125,00 – Salto dublo de asa delta,
R$ 20,00 / U$ 10,00 – CD com Fotos,
R$ 50,00 / U$ 25,00 – DVD com Vídeo,

Valores Alta Temporada:
R$ 300,00 / U$ 150,00 – Salto dublo com Fotos,
R$ 350,00 / U$ 175,00 – Salto dublo, Fotos e Vídeo,

Agendamentos:
+55 (21) 9762 6666
+55 (21) 7702 6817
Instrutor: Luciano “Popo”
+55 (21) 7822 2791
Instrutor: Elenilson “Nito”
+55 (21) 7852 9715
+55 (21) 8535 9522
ID: 120*33852

Dicas: www.flex1delta.com.br/flex1/dicas.html
Site: www.Flex1Delta.com.br
Blog: flex1delta.blogspot.com.br